Mensagens

REFLEXÃO EVANGÉLICA


-------------------------------------------------------



Senhor… Me ensina a esperar



Senhor… Me ensina a esperar

Senhor… Me ensina a esperar pelo Teu tempo. Segura firme minha mão e aumenta minhas forças na caminhada da vida. Me conduz pelo melhor caminho guiando meus passos. Me protege de todo mal. Aumenta minha fé e renova cada dia a minha confiança em Ti.

-------------------------------------------------------
Deus age na hora certa

Por vezes, o desespero invade nossos corações, e pedimos a Deus uma luz que nos guie na melhor direção. Procuramos respostas que parecem não existir, e acabamos por pensar que fomos abandonados.


Precisamos aprender que Deus age na hora certa, e que nosso ponto de vista nem sempre é o correto. O importante é continuarmos, perseverarmos em qualquer circunstância, e quando menos esperarmos o que pedimos pode vir a acontecer. 


-------------------------------------------------------

Deus sorri para você

Deus sorri para você no nascer do sol, numa flor que lhe aparece no caminho, uma ave que cruza o seu horizonte, no sorriso de uma criança. Deus não lhe abandona, Ele não quer lhe ver triste. Passamos por momentos difíceis na vida, é verdade. Mas não devemos nunca perder o entusiasmo e a motivação.


Preste atenção nos pequenos sinais que a vida lhe dá, às vezes é numa brisa morna que recobramos as forças, às vezes é num pôr do sol que percebemos como a vida é bela e merece ser plenamente vivida, a todo fôlego. Não se deixe abater, não se deixe desesperar. Logo esta fase complicada vai passar, abra-se ao novo e ao bom e você verá como a sua visão irá se limpar.


Quando estiver triste, lembre-se que Deus está sempre com você e Ele nos mostra como a vida vale a pena ser bem vivida mesmo nas pequenas coisas.



-------------------------------------------------------


Como ver Deus


Certa ocasião em alto mar, no meio da tripulação de um navio existia um marujo que pelo fato de ser crente, novo convertido, era motivo de insultos e zombarias por parte dos seus colegas.


Num belo dia, o capitão do navio, reunindo os marinheiros no convés, pegou uma luneta e, de um lado para outro, começou a olhar no horizonte. Olhava, olhava até que os marinheiros, curiosos, quiseram saber do que se tratava. Aí o capitão, tirando os olhos da luneta, dirigiu-se ao marujo crente e lhe disse:


– Olhei por todos os lados. Olhei e cansei de olhar, mas não consegui ver a Deus.


Então o marujo, levantando-se, tomou a Bíblia, e abrindo-a no livro de Mateus, capítulo 5, versículo 8, leu esta joia rara do amado Mestre:


“Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus”.


Jamais aquele capitão poderia ver a Deus. Os males do seu pecado o deixaram em trevas, a ponto de não poder enxergar a Deus e adorá-lo em espírito e em verdade.


Tais pecados não só impedem que Deus nos ouça as orações e estenda-nos as mãos para nos abençoar, como também impedem nossa própria visão das coisas espirituais.


Não é de admirar que exista muita gente que, apalpando espiritualmente, vive totalmente cega.




-------------------------------------------------------


Deus, eu nunca deixei de acreditar em Ti


Em alguns momentos da vida nos vemos revoltados, sem conseguir entender porque tantos males nos assolam. Questionamos o poder e a bondade de Deus, como pode Ele nos deixar sofrer, nós que somos os Seus filhos, as Suas criaturas. 


Em alguns momentos da vida até chegamos a virar as costas para Deus. Mas a verdade é que apesar de Deus ser onisciente e onipresente, viver está em nossas mãos. Ele não controla as nossas vidas e nem todas as coisas que nos acontecem, mas nos guia e nos ilumina para sabermos lidar com elas.


Meu Deus, eu sei que não tenho sido o melhor dos Teus filhos, sei que tenho questionado o Teu amor por mim e a Tua compaixão. Mas Senhor, quero que saibas que em momento algum perdi a fé em Ti!


Apesar da minha aparente rebeldia, o meu coração sempre foi fiel a Ti, nunca deixei apagar o fogo da minha fé. Eu peço perdão Senhor, se em algum momento Te ofendi. Eu sei que o Senhor só quer o melhor para mim.


Eu entrego o meu coração em Tuas mãos, ó Deus, me ilumina e me traz paz! Amém!


-------------------------------------------------------


Jesus, sempre confiarei em Ti


Por que se confunde e se agita diante dos problemas da vida? Deixe que eu cuide de todas as suas coisas e tudo será melhor. Quando você se entregar a mim, tudo se resolverá com tranquilidade, segundo meus desígnios. Não se desespere, não me dirija uma oração agitada, como se quisesse exigir o cumprimento dos seus desejos. Feche os olhos da alma e diga-me com calma: 


Jesus, eu confio em Ti!


Evite preocupações e as angústias, e os pensamentos sobre o que pode acontecer depois. Não bagunce os meus planos, querendo impor suas ideias. Deixe-me ser Deus e atuar com liberdade. Abandone-se confiadamente em mim. Repouse em mim e deixe em minhas mãos o seu futuro. Diga-me frequentemente: 


Jesus, eu confio em Ti! 


O que mais danos lhe causa são suas razões, suas próprias ideias, e você querer resolver as coisas à sua maneira. Quando me disser: Jesus, eu confio em Ti!, não seja como o paciente que pede ao médico que o cure, porque lhe sugere o modo de fazer. Deixe se levar em meus braços divinos, não tenha medo, pois Eu Te Amo!


Se acreditar que as coisas pioram ou se complicam apesar da sua oração, siga confiando. Feche os olhos da alma e confie. Continue dizendo a toda hora: 


Jesus, eu confio em Ti!


Necessito das mãos livres para fazer a minha obra. Mesmo que a dor seja tão forte, a ponto de derramar lágrimas dos seus olhos. Estarei com você e com a sua família em todos os momentos. Diga: 


Jesus, eu confio em Ti!


Confie só em mim, abandone-se em mim, jogue todas as suas angústias e durma tranquilo. Diga-me sempre: Jesus, eu confio em Ti!, e verá acontecer grandes milagres. Eu lhe prometo, por meu amor, pois sempre confiarei em você, meu filho!




-------------------------------------------------------


DEUS E VOCÊ


Só Deus pode criar, mas você pode valorizar o que Ele criou.

Só Deus pode dar a vida, mas você pode transmiti-la e respeita-la.


Só Deus pode dar a saúde, mas você pode orientar e guiar.

Só Deus pode dar a fé, mas você pode dar o seu testemunho.


Só Deus pode infundir esperança, mas você pode restituir a confiança ao irmão.

Só Deus pode dar o amor, mas você pode ensinar o seu irmão a amar.


Só Deus pode dar a paz, mas você pode semear a união.

Só Deus pode dar a alegria, mas você pode sorrir a todos.


Só Deus pode dar a força, mas você pode apoiar quem desanimou.

Só Deus é o caminho, mas você pode indica-lo aos outros.


Só Deus é a luz, mas você pode faze-la brilhar aos olhos dos seus irmãos.

Só Deus é a vida, mas você pode restituir aos outros o desejo de viver.


Só Deus pode fazer milagres, mas você pode ser aquele que trouxe os cinco pães e os dois peixes.

Só Deus pode fazer o que parece impossível, mas você pode fazer o possível.


Só Deus se basta a si mesmo, mas ele preferiu contar com você.


-------------------------------------------------------


Deus tem uma Resposta


Você diz: "Isso é impossível" 

Deus diz: "Tudo é possível" (Lucas 18:27) 


Você diz: "Eu já estou cansado" 

Deus diz: "Eu te darei o repouso" (Mateus 11:28-30) 


Você diz: "Ninguém me ama de verdade" 

Deus diz: "Eu te amo" (João 3:16 & João 13:34) 


Você diz: "Não tenho condições" 

Deus diz: "Minha graça é suficiente" (II. Corintos 12:9) 


Você diz: "Não vejo saída" 

Deus diz: "Eu guiarei teus passos" (Provérbios 3:5-6) 


Você diz: "Eu não posso fazer" 

Deus diz: "Você pode fazer tudo" (Filipenses 4:13) 


Você diz: "Estou angustiado" 

Deus diz: "Eu te livrarei da angustia" (Salmos 90:15) 


Você diz: "Não vale a pena" 

Deus diz: "Tudo vale a pena" (Romanos 8:28) 


Você diz: "Eu não mereço perdão" 

Deus diz: "Eu te perdôo" (I Epistola de São João 1:9 & Romanos 8:1) 


Você diz: "Não vou conseguir" 

Deus diz: "Eu suprirei todas as suas necessidades" (Filipenses 4:19) 


Você diz: "Estou com medo" 

Deus diz: "Eu não te dei um espírito de medo" (II. Timóteo 1:7) 


Você diz: "Estou sempre frustrado e preocupado" 

Deus diz: "Confiai-me todas as suas preocupações" (I Pedro 5:7) 


Você diz: "Eu não tenho talento suficiente" 

Deus diz: "Eu te dou sabedoria" (I Corintos 1:30) 


Você diz: "Não tenho fé" 

Deus diz: "Eu dei a cada um uma medida de fé" (Romanos 12:3) 


Você diz: "Eu me sinto só e desamparado" 

Deus diz: "Eu nunca te deixarei nem desampararei"


-------------------------------------------------------

A Obediência Traz Sucesso


A Bíblia diz que colhemos o que semeamos. A linha divisória entre o sucesso e o fracasso é fazer o que Deus nos diz para fazer. Oramos por frutos em nossa vida, mas nem sempre queremos orar pelas raízes. 

Se quisermos que nossos dias sejam bons, precisamos fazer o que Deus nos diz. Se não queremos caminhar em obediência, não podemos reclamar se nos envolvermos numa confusão. Se nos sentimos solitários e Deus nos diz para nos aproximar de alguém, mas decidimos que isso é muito complicado, então permaneceremos sozinhos. 

A obediência traz o fruto do Espírito em sua vida. Cave profundamente a Palavra de Deus antes que você perca suas bênçãos hoje.



(Joyce Meyer)

-------------------------------------------------------


Confie no tempo de Deus

A confiança requer que você coloque sua agenda nas mãos de Deus, crendo que o tempo dele é perfeito para todas as coisas em sua vida. Sua natureza humana quer que as boas coisas aconteçam imediatamente, não mais tarde.

Mas você aprende a crer e a esperar que as coisas aconteçam no tempo perfeito de Deus à medida que amadurece na vida cristã. Confiar em Deus frequentemente significa não saber como Ele irá realizar algo e quando Ele o fará. Mas não saber “como e quando” fortalece sua fé e lhe ensina lições de confiança.

Lembre-se: a confiança não é herdada, é aprendida. O tempo desempenha um papel importante para aprender a confiar em Deus. À medida que você experimentar a fidelidade do Senhor, vez após vez, desistirá de confiar em si mesmo e colocará sua vida nas mãos habilidosas de Deus. Esse é um lugar maravilhoso para estar!


(Joyce Meyer)


-------------------------------------------------------


Aprendermos a aceitar a realidade da vida


Por vezes custa muito aceitarmos a realidade da vida. Lutamos para que tudo seja perfeito e acabamos percebendo que poucas coisas são como esperamos. A verdadeira sabedoria está em sabermos lidar com tudo o que o dia a dia nos reserva e tirarmos proveito daquilo que realmente vale a pena.


As pessoas que nos rodeiam, por mais que nos amem, acabam sempre por nos magoar. Até a melhor das amizades em algum momento nos decepciona. Aprendermos a perdoar o que os outros nos fazem é o primeiro passo para vivermos em paz com nós mesmos.


Sentiremos ao longo do tempo que tudo muda e que aqueles que nos são importantes também. Percebermos a imprevisibilidade da nossa existência fará de nós humanos mais estáveis. Nada estranharemos à medida que formos crescendo e acumulando mais experiência. Por mais dolorosos que sejam certos acontecimentos, eles sempre nos ensinarão algo e nunca serão em vão.



-------------------------------------------------------


A Riqueza e a Pobreza


Um dia, um pai de família rica levou seu filho para viajar para o interior com o firme propósito de mostrar quanto as pessoas podem ser pobres.


Eles passaram um dia e uma noite na fazenda de uma família muito pobre.


Quando retornaram da viagem, o pai perguntou ao filho:


"- O que achou do que viu?"


O filho respondeu:


"- Foi muito legal, pai !"


"- Você viu como as pessoas pobres podem ser? "


O pai perguntou.


"- Sim." - respondeu o filho.


"-E o que você aprendeu ?" - o pai perguntou.


O filho respondeu:


"- Eu vi que nós temos um cachorro em casa e eles tem quatro."


"- Nós temos uma piscina que alcança o meio do jardim e eles tem um riacho que não tem fim."


"- Nós temos uma varanda coberta e iluminada com luz e eles tem as estrelas e a lua."


"-Nosso quintal vai até o portão de entrada e eles tem uma floresta inteira."


Quando o pequeno garoto estava acabando de responder, seu pai ficou estupefato.


Seu filho acrescentou:


"- Obrigado pai, por me mostrar quanto pobres nós somos !"


Não é verdade que tudo depende da maneira como você olha para as coisas?


Se você tem amor, amigos, família, saúde, bom humor e atitudes positivas para com a vida, você tem tudo!



------------------------------------------------------

Não Desista Nunca!


Existem pedras.

Não desista de andar!

Existem barreiras.

Não desista de passar!

Existem os nós.

É preciso desatar!

Existe o desânimo.

É a pior coisa que há!

A estrada é longa.

Não desista de chegar!

Existe o cansaço.

É preciso caminhar!

Existe a derrota.

Você nasceu para ganhar!

Existe o desamor.

É fundamental amar!


Tenha coragem e jamais desista!

Não tenha medo de ser feliz!


------------------------------------------------------


Não espere...


Não espere um sorriso para ser gentil;

Não espere ser amado para amar;

Não espere ficar sozinho para reconhecer o valor de quem está ao seu lado;

Não espere ficar de luto para reconhecer quem hoje é importante em sua vida;

Não espere o melhor emprego para começar a trabalhar;

Não espere a queda para lembrar-se do conselho;

Não espere...

Não espere a enfermidade para perceber o quanto é frágil a vida;

Não espere pessoas perfeitas para então se apaixonar;

Não espere a mágoa para pedir perdão;

Não espere a separação para buscar reconciliação;

Não espere a dor para acreditar em oração;

Não espere elogios para acreditar em si mesmo;

Não espere...

Não espere que o outro tome a iniciativa se você foi o culpado;

Não espere o eu te amo,para dizer eu também;

Não espere o dia da sua morte para começar a amar a vida;

E então,o que você está esperando?


-------------------------------------------------------

Os ventos que às vezes tiram


Os ventos que às vezes tiram

algo que amamos, são os

mesmos que trazem algo que

aprendemos a amar...


Por isso não devemos chorar

pelo que nos foi tirado e sim,

aprender a amar o que nos foi

dado. Pois tudo aquilo que é

realmente nosso, nunca se vai

para sempre...


Bob Marley

---------------------------------------------------


A caminhada da vida

 

Na caminhada da vida, aprendi que 

nem sempre temos o que queremos. 

Porque nem sempre 

o que queremos nos faz bem.

Foi preciso sentir dor, para que 

eu aprendesse com as lágrimas.

Foi necessário o riso, para que 

eu não me enclausurasse com o tempo.

Foram precisas as pedras, para que 

eu construísse meu caminho.

Foram fundamentais as flores, para que 

eu me alegrasse na caminhada.

Foi imprescindível a fé, para que eu 

não perdesse a esperança.

Foi preciso perder, para que 

ganhasse de verdade.

Foi no silêncio que me 

escutaram com clareza.

Pois sem provas não tem aprovação.

E a vitória sem conquista é ilusão.

E a maior virtude dos fortes é o perdão.


------------------------------------------------------


A melhor semente



Um fazendeiro todos os anos ganhava um Prêmio de Qualidade pelo excelente milho que colhia e levava ao festival do milho.

Um repórter decidiu fazer uma matéria sobre o assunto e acabou aprendendo algo interessante sobre o cultivo de milho.

Quando o fazendeiro lhe contou que sempre dava de sua melhor semente para seus vizinhos, ele perguntou:
- Mas, eles estão competindo com você! Porque lhes dar da sua melhor semente?

- Por causa do vento! O vento nos conecta. O vento leva o pólen de um campo a outro. Se meus vizinhos cultivam milho inferior, a polinização degradará a qualidade de meu milho. Se eu quero cultivar milho bom, eu tenho que ajudar meu vizinhos a melhorar o milho deles.

Autor: James Bender.

----------------------------------------------------

O PASTOR E O SOLDADO ALCOÓLATRA


Um soldado lutava desesperadamente contra a bebida.
Ele havia chegado até tenente Coronel.
Mas, por causa da bebida ele foi rebaixado e rebaixado.
No final, ele voltou a ser apenas um soldado.

Ele sabia que se fosse achado de novo bêbado iria para a cadeia.
Um dia ele estava deitado no quartel quando um pastor entrou.
O velho pastor passou entre os soldados distribuindo literatura.

Quando ele chegou ao soldado, ele percebeu sua aflição.
O soldado mandou ele embora dizendo que não acreditava em Deus.

Mas, o pastor continuou a falar. Ele disse que ele também havia lutado cotra a bebida.
Ele falou que conhecia um poder que poderia libertá-lo.
Ele deu um pequeno Novo Testamento para o soldado com as seguintes instruções:

"Cada vez que você sentir vontade de beber, tome seu Novo Testamento e leia o Evangelho. Antes de você terminar, o desejo passará."
O soldado agradeceu, mas quando o pastor foi embora, ele jogou o Novo Testamento na cabeceira e foi dormir. 
Mais tarde ele acordou com um desejo infernal de beber. 
Ele sentiu aquela força incontrolável, aquele desejo de mergulhar na bebida.

Quando ele estava se arrumando para ir ao bar, ele lembrou das palavras do pastor. 
Ele viu a Bíblia, pegou-a e começou a ler.
Em menos de meia hora ele havia lido vários capítulos.
E, o mais incrível - ele não queria mais beber.

Daquele dia em diante, cada vez que ele sentiu o desejo de beber, ele pegou a Bíblia e começou a ler o Evangelho.
Em pouco tempo ele deixou de vez de beber e ficou curado.

Aonde está o poder?
Se está em você, porque você ainda não venceu?
Por que você ainda está lutando com aquela tentação?

Se o poder está em Jesus, por que você não procura Ele?
Ou será que no fundo, no fundo, você realmente não quer mudar?

Se você quiser parar qualquer vício, vencer qualquer tentação, siga o conselho do pastor - peque sua Bíblia e comece a ler o Evangelho. Pode ser Mateus, Marcos, Lucas ou João. Qualquer um serve. Se precisa ler todos, leia.
Importa apenas que você leia o Evangelho. Procure Jesus. E depois, continue procurando.

Prove isso, experimente e você verá o poder da Palavra de Jesus.
Mat 4:18-22



Fonte:Hermenêutica



------------------------------------------------------

O Fogo Da Maledicência

O fogo que não é ativado logo se extingue. Quão verdade é isso com relação ao fogo da maledicência. Se um pouco de diz-que-diz-que chega ao seu conhecimento, e você não o passa adiante, ele morrerá com você. Se você o passa, está ativando o fogo e pondo combustível que poderá queimar alguém e chamuscar a muitos. E talvez as mãos que passam adiante o boato e são por isso mesmo chamuscadas, poderão na realidade sofrer perda até maior do que a pessoa cuja vida está sendo queimada.

Conta-se que Sofrônio, quando sua filha Eulália desejou visitar a tagarela Lucinda, não desejou dar-lhe consentimento. Então perguntou Eulália:

– Por que não? Julga-me muito fraca. De que maneira poderá ela fazer-me mal?

O velho e sábio Sofrônio tirou da lareira um carvão, e trazendo-o fora para Eulália, sua bela filha, disse:

– Toma-o em tuas mãos.

Eulália se encolheu horrorizada, recusando-se a pegar o carvão.

– Mas ele não pode queimar você – exclamou o pai.

– Sim, eu sei. Não me pode queimar mas pode me sujar.

Isto a fez ver a realidade. Há sem dúvida um certo sentido em que muita coisa que suja é pior que se queimasse. Uma mão queimada não suja outra mão que a aperte, o que não ocorrerá com uma mão suja. 

"Sem lenha, o fogo se apagará; e não havendo intrigante, cessará a contenda". (Provérbios 26.20)


Fonte: IASD Em Foco


------------------------------------------------


Críticas

Um homem que gostava muito de criticar os cristãos chegou um dia à oficina de um ferreiro, criticando as fraquezas de diversos cristãos.

O ferreiro, que era cristão, escutou-o sem dizer palavra alguma. Quando então, por fim, o homem calou-se um momento, perguntou o ferreiro:

– Você já leu alguma vez a Bíblia?

– Naturalmente, respondeu o homem.

– Então, também leu a parábola do homem rico e Lázaro?

– Naturalmente, respondeu de novo o homem.

– Então, deve lembrar-se dos cachorros da parábola?

– De certo, mas que é deles?

– Os cachorros não fizeram outra coisa senão lamber as chagas do pobre Lázaro; parece-me que você está fazendo a mesma coisa, porque só está procurando as fraquezas dos cristãos.

O homem crítico calou-se.


Fonte:IASD Em Foco
----------------------------------------------------

O Menino e o Carvão

O garoto chega em casa pisando forte e diz ao pai:

- Estou com muita raiva do Lucas, papai! Ele me envergonhou na escola e agora eu desejo tudo de ruim pra ele!

O pai então o leva até o quintal, com um saco de carvão e diz:

- Filho, quero que jogue os pedaços de carvão naquele lençol que está pendurado no varal, como se ele fosse o Lucas.

O filho sem entender, mas empolgado com a brincadeira, faz o que o pai pediu.

Ao final, o garoto diz estar feliz por ter sujado uma parte do lençol, como se fosse o coleguinha.

O pai então o leva diante do espelho e para a surpresa do garoto, a aparência dele era tão preta, que mal conseguia enxergar os próprios olhos. O pai então concluiu:

- Veja meu filho, o mal que desejamos aos outros é como esse carvão. Ele pôde até sujar um pouco do lençol, mas na verdade o maior prejudicado foi quem o jogou.


Fonte: Ilustrações Bíblicas

-------------------------------------------------

A Natureza Da Cobra

Um homem de Deus viu quando uma cobra estava morrendo queimada e decidiu tirá-la do fogo, mas quando o fez, a cobra o picou. Pela reação de dor, o homem de Deus o soltou e o animal caiu de novo no fogo e estava se queimando de novo. O homem de Deus tentou tirá-la novamente e novamente a cobra o picou. Alguém que estava observando se aproximou do homem de Deus e lhe disse:
— Desculpe-me, mas você é teimoso! Não entende que todas as vezes que tentar tirá-la do fogo ela irá picá-lo?

O homem de Deus respondeu:
— A natureza da cobra é picar, e isto não vai mudar a minha, que é ajudar.
Então, com a ajuda de um pedaço de ferro o mestre tirou a cobra do fogo e salvou sua vida.

Não mude sua natureza se alguém te faz algum mal, não perca sua essência; apenas tome precauções.

Alguns perseguem a felicidade, outros a criam. Preocupe-se mais com sua consciência do que com a sua reputação. Porque sua consciência é o que você é, e sua reputação é o que os outros pensam de você. E o que os outros pensam, não é problema nosso… é problema deles.



Fonte: Ilustrações Bíblicas

-----------------------------------------------------


Invoca-Me No Dia Da Tua Angústia


Um jovem ambicioso aceitou um emprego em uma grande fábrica. Tudo foi bem na primeira manhã, mas pouco depois do almoço a máquina com que ele trabalhava começou a fazer estranho ruído. Por vários minutos o novo e juvenil empregado fez oficiosamente este e aquele arranjo, apertou um parafuso aqui e outro ali, e usou generosamente o lubrificante. O estranho ruído porém continuava.

Demasiado orgulhoso para reconhecer que era deficiente na habilidade mecânica, o rapaz desligou a máquina. Fez várias tolices com uma chave inglesa, depois ligou a chave novamente, esperançoso. A máquina se recusou a trabalhar. Suando de tensão nervosa, continuou seus esforços de reparação, mas sem nenhum resultado.

A essa altura, apareceu o mestre. Acanhado, o novo empregado explicou o caso do ruído, e tentou defender suas tentativas de consertar a máquina. Encolhendo os ombros, terminou seu discurso assim: "Afinal, fiz o que pude." "Jovem", respondeu o experimentado mestre, "aqui, fazer o melhor é mandar me chamar!"

A maioria de nós tem tido experiências semelhantes. Temos lutado em nossa força humana com problemas para os quais nos havemos demonstrado incapazes. Afinal, impotentes, olhamos ao redor para sentir o Mestre a contemplar-nos, e dizendo: "Invoca-Me no dia da angústia. Eu te livrarei."


Fonte: Iasdemfoco

----------------------------------------------------


Cuidado Com a Aparente Bondade

Um cidadão comprou um peruzinho, magrinho, feio, pequeno, começou a cuidar muito bem daquele pequeno animal. Em poucos meses estava o peru bonito, grande e bastante gordo. Se o peruzinho falasse, ele diria: esse homem é muito bom, pois me comprou magrinho, pequeno e muito feio, me alimentou tão bem que hoje estou bonito, gordo e grande. Tadinho do peruzinho! Não sabe que no dia 24 de dezembro estará em uma frigideira dentro do forno. 

Cuidado com a aparente bondade do diabo.




Fonte:Caio Fábio

-----------------------------------------------------

O Lobo Que Queria Ser Ovelha

Segundo uma lenda, existia um Lobo que desejava ser igual à Ovelha. Mas ele era simplesmente um Lobo.

Pensava: “A minha vida de lobo é horrível. Quando tenho fome, tenho que matar outro lobo ou animal semelhante para saciar a minha fome. Enfrentamo-nos para saber quem é o líder do grupo. Quem me dera fosse uma ovelha, dizia o Lobo. As ovelhas vivem em grupo, se aquecem, andam juntas são humildes e compassivos”.

Um dia o Lobo fez das usas e conseguiu uma pele de Ovelha, vestiu aquela pele de uma forma tão perfeita que ninguém reparava que ele era um lobo.

Foi o dia mais feliz da sua vida. Viveu feliz como se fosse verdadeiramente uma ovelha.

Quando era chegada à hora das ovelhas se alimentarem. Imagine caro leitor, o lobo a comer capim? O capim descia em sua garganta feito uma lâmina cortante. Foi o momento mais horrível da sua vida.

As ovelhas têm três estômagos. Durante a noite elas remoem, ou seja, a comida vai de um estômago para outro, indo e voltando pela boca. Aquele barulho do ruminar não o deixou dormir, tal situação lhe incomodava.

O Lobo que queria ser Ovelha suportou aquela vida cerca de uma semana.

Um dia o Lobo não aguentou mais e fugiu do meio das Ovelhas. Depois de muito correr dali, tirou a roupa de Ovelha e gritou como um Lobo uivou como um Lobo. Caçou um animal, e o rasgou ao meio o comeu com o sangue a escorrer da boca. Essa era a natureza do lobo.

Ainda assim não saciara a sua pior sede, a sede moral. Aquela que não se cura com um remédio, aquela em que temos vontade de colocar nossa cabeça em um buraco para fugir de tudo e de todos. Aquela em que temos vergonha de nós mesmos.

Não aguentando a vida de Lobo, vestiu novamente a roupa de Ovelha e de cabeça baixo voltou vagarosamente para o meio das Ovelhas.

Naquela noite o Lobo adormeceu no meio de seu choro. Chorava e falou com Deus: “oh Deus, eu quero tanto ser diferente, mas eu não consigo. Quero ser uma Ovelha, mas a minha natureza é de Lobo. Eu não consigo meu Deus, por favor, me ajude”, e então adormeceu. Foi o dia mais triste de sua vida.

Na manha seguinte o Lobo acordou e foi com as Ovelhas comer capim. Naquela manhã o capim parecia estar diferente, estava com um gosto bom e não cortou sua garganta.

Na hora de dormir, o ruminar das Ovelhas não o incomodou e o Lobo dormiu a melhor noite de sua vida.

Não entendeu o que se passara, chorou muito, e olhou para o céu e perguntou a Deus o que tinha acontecido. E Deus lhe respondeu: “eu ouvi a sua oração e vi as tuas lágrimas, a tua vontade de ser uma ovelha, mas a tua natureza era de Lobo, mesmo se vestindo como uma ovelha, você jamais conseguiria viver como ovelha, então Eu fiz o maior dos milagres, mudei a sua natureza de Lobo para Ovelha”.

Quantas pessoas estão nas igrejas na condição daquele lobo? Tentam viver como Ovelhas, mas a sua natureza os traí. Conseguem viver de forma diferente de sua natureza por algum tempo, mas chega o momento em que a natureza de Lobo fala mais alto.

Então se despem da pele de Ovelha e gritam como Lobo, agem como Lobo, correm como Lobo, e no final, sentem a culpa por tentarem ser de um jeito quando sua natureza as leva a ser diferentes. As lutas constates entre a sua consciência e o seu ser.

Esse é o grande desafio que o ser humano tem que enfrentar e vencer. Pedir a Deus que lhe mude começando por dentro para fora. Que mude a sua natureza de Lobo a Ovelha.

Esse é o grande milagre que aquele que deseja nascer de novo deve pedir a Deus. Lembrando que para isso a pessoa deve reconhecer que é lobo e precisa mudar.

Com esse conto só queria ilustrar que é possível a transformação.

O lobo é solitário – só pensa nele

O lobo para comer tem que matar – persegue outros e procura crescer prejudicado seu próximo

O lobo não tem pastor – É rebelde e não aceita repreensão nem conselhos o seu orgulho lhe consome. Enfim o lobo é totalmente oposto da ovelha.

“O que encobre as suas transgressões, jamais prosperará; mas o que CONFESSA E DEIXA alcança misericórdia” ( Provérbios 28:13)

A isto, respondeu Jesus: Em verdade, em verdade te digo que, se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus. (João 3:3)



Fonte:Evangelismo Paraná

--------------------------------------------------


Não Perca a Sua Fé

Um rapaz pediu a Jesus um emprego, e uma mulher que o amasse muito.
No dia seguinte, abriu o jornal e tinha um anuncio de emprego. 
Ele foi, viu a fila muito grande e disse: Eles são melhores do que eu, e foi embora.
No caminho, um garoto lhe deu uma rosa .... No ônibus ele chateado joga a rosa fora.
E ao chegar em casa briga com Jesus 
É assim que me tratas? É assim que me amas ? 
E vai dormir. Em sonho, Jesus lhe diz: 
O emprego era seu, mas você não confiou e desistiu antes mesmo de lutar; aquela rosa foi eu que te dei... inspirei aquela criança a lhe dar!!! 
O amor da sua vida, estava sentada ao seu lado, em vez de você dar a rosa a ela, jogou fora. Você entendeu como Jesus age na sua vida? 
Ele abre as portas te mostra o caminho mas a tua fé é tão pouca que desiste no primeiro obstáculo. Não desista confie que Jesus pode agir na sua vida. 
Os obstáculos existem para ver até onde vai a tua fé. 
Para finalizar, há uma música muito linda da Ludmila Ferber que diz: O que farei com as pedras no caminho? "Com as pedras vou levantar para Deus um altar de adoração!"




Fonte: Letras Santas

-----------------------------------------------------


O Tempo Cura Tudo

Era uma vez um passarinho que morava num ninho no alto de uma mangueira. Quando a mamãe passarinha saía cedinho para procurar alimento, falava: 
- Ó filhinho, não saia do ninho. Você ainda é um filhotinho, pode cair lá embaixo e se machucar. 
Mas o passarinho morria de vontade de dar as suas voadinhas, experimentar as suas asinhas cheias de peninhas. Experimentou uma vez. Experimentou a segunda. Quando experimentou a terceira, caiu e quebrou uma asa. Saiu, andando pelo chão, arrastando a asa, procurando uma ajudinha. 
- Ó minha amiga vaquinha, conserte a minha asinha, que eu quebrei dando uma voadinha. 
A vaquinha, muito mal-humorada, disse que não entendia de asas. O passarinho continuou o seu caminho, arrastando a sua asinha quebrada. Até que encontrou um cavalo e pediu ajuda de novo, coitadinho. 
- Ó meu amigo cavalinho, conserte a minha asinha, que eu quebrei dando uma voadinha. 
O cavalo relinchou e disse que não consertava asas. Não era veterinário. 
E lá se foi o passarinho andando, pedindo ajuda a todo mundo que encontrava, ouvindo sempre o mesmo. Até que encontrou um rio, muito transparente, e parou para beber água. 
- Ó meu amigo riozinho, conserte a minha asinha, que eu quebrei dando uma voadinha! E o rio de águas claras cantarolou: 
- Bote aqui a sua asinha bote aqui no leito meu e depois não vá dizer que você se arrependeu. 
E com todo cuidado, enfaixou a asinha do amiguinho, sorrindo dizendo: 
- Dá um tempo ao tempo, fique quieto uns dias no seu ninho, meu passarinho!
E foi o que o passarinho fez. 
Voltou para o seu ninho e deixou o tempo passar, bem quietinho. 
O tempo passou. 
Ele sarou e aprendeu a voar bem direitinho. 
”O tempo cura tudo. É só dar tempo ao tempo, ele nos deixa mais experiente para ser-mos obedientes e não cair-mos nos mesmos erros.”


Fonte:Dinholima

---------------------------------------------------

A Caverna Do Tesouro

 Uma mulher pobre passeava com seu filhinho num bosque quando ouviu um voz que vinha de dentro de uma caverna:
- Aqui dentro há muito ouro, prata e pedras preciosas. Pegue o que quiser.

Meio desconfiada, olhou no interior da caverna e constatou que, de fato, ela estava recheada de tesouros insondáveis.
- Posso mesmo pegar o que quiser?
- Sim, mas, você poderá encher apenas uma sacola e terá apenas dois minutos para escolher o que quer levar. Depois deste tempo, saia correndo, pois a caverna se fechará para sempre com tudo que ainda estiver aqui dentro.

Premida pelo tempo e com tantas opções à sua frente, a mulher escolhia, juntava, trocava, destrocava, ajeitava os objetos na sacola, trocava novamente.
- Agora você tem apenas 10 segundos… 9, 8, 7…

Ela pegou mais umas pedras preciosas.
- 6, 5, 4…

Pegou mais uma bandeja de ouro e saiu correndo.

Já do lado de fora, ainda teve tempo de assistir a entrada da caverna se transformando num imenso paredão de rocha. Olhou a sacola, avaliou o que havia conseguido juntar e concluiu que agora era uma mulher rica e iria poder dar ao seu filho uma vida melhor…
- Meu Deus… meu filho! Meu filho, meu Deus, meu filho…

Na correria, esqueceu seu filho dentro da caverna. Para sempre! Não deixe a correria da vida fazê-lo se esquecer das pessoas que você ama.

"Seja a vossa vida isenta de ganância, contentando-vos com o que tendes;porque ele mesmo disse:Não te deixarei,nem te desampararei". (Hebreus 13.5).



Fonte: Autor Desconhecido

-----------------------------------------------------

 Os Problemas Dos Outros
 (Isso Não é Problema Meu)

O dono de uma fazenda estava cansado de ver um ratinho para lá e para cá, comendo alguns dos seus alimentos e fazendo uma bagunça que só eles fazem. Resolveu então colocar uma ratoeira num lugar estratégico com um suculento e cheiroso pedaço de queijo.

O ratinho, esperto, viu que aquilo era uma cilada, mas aquele pedaço de queijo o estava fazendo entrar em desespero. Resolveu por fim buscar ajuda em alguns animais que haviam por ali. Primeiro foi com galinha.

- Dona galinha, por favor, me ajude com um problema! - pediu o ratinho. - estou louco por um pedaço de queijo, mas está numa armadilha. Ajude-me a desarmá-la. Depois lhe ajudarei com qualquer coisa que precisar.

A galinha fitou-o e então deu de ombros.

- Isso não é problema meu. Não tenha nada a ver com isso.

Deu as costas e foi procurar umas minhocas.

O ratinho correu e procurou o porco.

- Seu porco, por favor, preciso de sua ajuda. Desarme uma armadilha comigo, e depois lhe ajudarei com qualquer coisa que precisar.

O porco fuçou a terra e olhou para o pequeno animal.

- Estou muito ocupado, não posso ajudá-lo.

Desesperado ainda mais o ratinho recorreu à vaca:

- Dona vaca, por favor, venha comigo-

A vaca nem ao menos deixou que ele continuasse. Achava-o insignificante. Tudo o que podia vir dele não iria interferir em sua vida, mesmo.

O ratinho ficou muito triste e achou que não poderia viver um dia sequer sem aquele pedaço de queijo. Não tinha outro jeito; ele teria que fazer o serviço sozinho e talvez morrer por causa disso.

Para sua surpresa, ao chegar à ratoeira, viu que estava desarmada. O pedaço de queijo estava jogado de lado. E correu, pegou o queijo mais que depressa e voltou para o esconderijo. Momentos depois de se deliciar e saciar seu desejo descobriu que a ratoeira desarmou quando acidentalmente a mulher do dono da fazenda pisou nela. A ratoeira era velha e um pouco enferrujada. Isso causou tétano na mulher que ficou muito doente.

O médico passou então alguns medicamentos e repouso. O dono da fazenda resolveu então fazer uma canja de galinha para fortalecê-la.

A mulher passou a receber várias visitas. Num dia apareceu tantas que o dono da fazenda resolveu servir carne de porco para eles.

Por fim, os remédios acabaram e precisava-se comprar mais, mas o dinheiro acabou. O jeito foi sacrificar a vaca e vender sua carne. O ratinho então se deu conta que o problema dos outros poderia influenciar o seu futuro.


Fonte: Letras Santas



-----------------------------------------------------


O Desespero Faz Você Tomar Decisões Irracionais

Em certo vôo, ouve um problema no avião e ele começou a perder altitude. Os passageiros desconfiados olhando uns para os outros aguardavam algum comunicado, tudo foi confirmado quando o aviso veio: a aeronave está com um pequeno problema, mas tudo está sob controle, fiquem tranqüilos! Foi aí que tudo se confirmou e a agitação foi inevitável. Pessoas gritando, outros chorando, alguns agitados dizendo: calma, calma! Outros desesperadamente tentando abrir a porta para pularem querendo salvar-se; tempos depois o avião conseguiu pousar e todos foram salvos. O que aconteceria se tivessem conseguido abrir à porta do avião em pleno vôo?

O desespero faz você tomar decisões irracionais. Se habitarmos no esconderijo do altíssimo, descansaremos. Se não estamos descansando está tudo errado conosco! Sl 91.1




Fonte:Aldrain Lima

--------------------------------------------------

  A Reunião No Inferno Para Tentar Destruir a Oração Dos Cristãos

SATANÁS: Amigos meus, vamos hoje discutir as reuniões de oração. Sabeis muito bem que o assunto é importante e urgente. Aí vem o novo ano. Os cristãos vão renovar os seus votos de consagração e redobrar a sua atividade contra o nosso reino. É verdade que até agora não temos sofrido muito com essas renovações da sua vida espiritual. Alguns se esquecem logo das promessas feitas, e outros, embora se lembrem, não cumprem o prometido. Mas para que a sua derrota seja completa, precisamos manter rigorosamente a nossa influência sobre as suas reuniões de oração. Que pensas tu, Lúcifer?

ESPÍRITOS MAUS: Sim... sim...

LÚCIFER: Estou de acordo com o nosso ilustre príncipe. Abaixo as reuniões de oração! Que coisa detestável é a tal oração! Contem comigo. Respondo pelo espírito de incredulidade e pela diminuição do número de assistentes.

UM MAU ESPÍRITO: Mas nós já trabalhamos muito para acabar com a oração.

LÚCIFER: Mas ainda não fizestes tudo. A despeito dos vossos esforços, de 100 membros de cada igreja ainda vão uns 15 ou 20 às reuniões de oração. E sabeis que enquanto houver ainda que seja apenas dois ou três, corremos grande perigo.

ESPÍRITOS MAUS: É verdade.

UMA VOZ: Adotemos medidas eficazes.

LÚCIFER: Tenho já os meus planos: vou sugerir aos convidados que o lugar da reunião é longe, que o tempo não está firme, que a reunião não é tão importante, que outros irão e eles não farão falta. Procurarei fazer coincidir o dia da reunião com o da exibição de certos filmes especiais. Tentarei mesmo promover nesse dia outras reuniões da Igreja e darei ocupação intensa aos que se mostram mais interessados pelo serviço eclesiástico; tudo farei para desmoralizar as reuniões de oração.

O ESPÍRITO DE PREGUIÇA: Pode contar comigo nessa parte do programa.

O ESPÍRITO DE DESORDEM: Eu farei com que as refeições em casa se atrasem; farei atrasar a condução; provocarei incidentes com os empregados do tráfego; farei chegar visitas à hora da saída; farei desaparecer os objetos à última hora: "A minha Bíblia não está no lugar onde a deixei." "Também esta casa nunca tem ordem, anda tudo fora do lugar." Estas e outras exclamações eu provocarei nas casas das pessoas que tencionem ir à reunião. Hei de cansá-las, irritá-las, desmoralizá-las a seus próprios olhos, até que resolvam não sair de casa.

LÚCIFER: É preciso trazer de olho o diretor da reunião. Já notei que se tomar conta dele o dia inteiro, a reunião fica prejudicada.

SATANÁS: Magnífico. Muito bem lembrado.

LÚCIFER (lisonjeado): Farei o diretor comer depressa, não lhe deixarei tempo para escolher o assunto, nem a leitura bíblica, nem hinos adequados. Eu o encherei de preocupações o dia inteiro, farei chegar alguma notícia má à última hora e me esforçarei para que ele não tenha tempo de orar a sós e pedir o auxílio do Espírito Santo.

O ESPÍRITO DE DÚVIDA: Eu o farei pensar que nesta Igreja o povo é mundano demais e não há quem se interesse pelas coisas espirituais, que o povo daqui é frio mesmo e que ele está perdendo tempo.

SATANÁS: É preciso irritá-lo.

O ESPÍRITO DE PROFANAÇÃO: Eu me encarrego dessa parte. Farei que estejam presentes algumas dessas pessoas que cochicham e brincam durante o culto.

O ESPÍRITO DE SUSPEITA: Levarei alguns que são desconfiados, que se julgam desprezados, e os levarei a pensar só nisso durante a oração.

O ESPÍRITO DE SOBERBA: Eu farei outros crerem que não devem ir, porque na reunião há pessoas cuja religião é só bater no peito.

O ESPÍRITO DE COMODISMO: Eu darei o meu auxílio sugerindo a alguns que oração a gente pode fazer mesmo em casa.

O ESPÍRITO DE MÁ VONTADE: Farei os assistentes ocuparem os lugares mais afastados da mesa, longe dos outros, como se todos estivessem atacados de varíola (riso geral).

SATANÁS: Eu os deixarei sem o espírito de oração, sem reverência, sem amor, levianos, distraídos, interesseiros, críticos e inquietos.

O ESPÍRITO DE DÚVIDA: E, sobretudo, sem fé. Essas deploráveis promessas de Deus é que nos dão trabalho.

LÚCIFER: Eu os farei silenciosos quando se pedirem orações.

SATANÁS: Mas não todos. É preciso que orem os que desejem ser ouvidos pelos homens e ficam sempre muito preocupados com a figura que fazem.

O ESPÍRITO DE ENGANO: Eu me encarrego de iludi-los.

SATANÁS: Com essas medidas havemos de vencer.

(Surge um espírito vindo da Terra.)

O ESPÍRITO: Trago uma péssima notícia. Alguns crentes mais fervorosos tomaram hoje um compromisso irrevogável. Ainda que ninguém mais ore, eles vão perseverar nas reuniões de oração.

LÚCIFER: Pouca gente não adianta nada. Uma andorinha só não faz verão.

O ESPÍRITO: Depende da andorinha. São poucas, mas é gente que crê.

SATANÁS: Se eles crêem, nada poderemos fazer contra eles. Pela fé, mais dia, menos dia, hão de acordar a Igreja. Em nome da minha grande experiência eu vos digo: nada podemos contra a fé. Já estamos derrotados.

E tumultuosamente os espíritos desapareceram nas trevas. 


Fonte:De um folheto



   ------------------------------------------------


O Homem e a Carroça Com Três Pedras


Conta-se a história de um homem que um dia encontrou Deus num vale.

- Como você está nesta manhã? – perguntou Deus.

- Estou bem, obrigado – respondeu o homem. – Posso fazer alguma coisa pelo Senhor hoje?

- Sim – disse Deus – tenho uma carroça com três pedras e preciso que alguém leve até a colina para mim. Você está disposto?

- Sim, gostaria muito de fazer algo pelo Senhor. As pedras não parecem pesadas e a carroça está em boas condições. Ficaria feliz em fazê-lo. Onde o Senhor gostaria que eu a deixasse?

Deus deu ao homem instruções específicas, desenhando um mapa no chão, à beira da estrada.

- Passe pelo bosque e suba pela estrada que termina no alto da colina. Quando chegar ao cume, deixe lá a carroça. Obrigado por sua boa vontade em me ajudar.

- Tudo bem! – o homem respondeu e começou sua caminhada animado.

A carroça se arrastava devagar, mas a carga era leve. Ele começou a assobiar enquanto caminhava rapidamente pela floresta. Que alegria ser capaz de ajudar o Senhor, pensou ele admirando o lindo dia. Perto da terceira curva, entrou numa pequena vila. As pessoas sorriam e o cumprimentavam. Então, na última casa, um homem o parou e lhe perguntou:

- Como você está nesta manhã? Que linda carroça você tem aí. Aonde você vai?

- Bem, hoje de manhã Deus me deu um trabalho. Vou deixar essas três pedras no topo da colina.

- Que maravilha! Você acredita? Pela manhã estive orando porque não sabia como levar essa rocha até o cume da montanha – disse o homem com grande entusiasmo. – Você poderia levá-la para mim até lá? Seria como uma resposta à minha oração.

O homem com a carroça sorriu e respondeu:

- Claro! Coloque-a atrás das três pedras.

Então, partiu o homem com três pedras e uma rocha dentro da carroça que parecia um pouco mais pesada. Ele podia sentir o solavanco de cada batida e a carroça já puxava para o lado. O homem parou para ajeitar a carga enquanto cantava um hino de louvor, satisfeito por ajudar um irmão e também a Deus. Depois, partiu novamente e logo chegou a um outro vilarejo. Um grande amigo vivia lá e lhe ofereceu um refresco.

- Você está indo para o topo da colina?

- Sim! Estou muito entusiasmado. Imagine, Deus me deu algo a fazer!!

- Ei! Preciso levar uma mala de seixos para lá. Estava preocupado pois não arranjava tempo para levá-la eu mesmo. Mas você poderia encaixá-la entre as três pedras, aqui no meio. – Deste modo, colocou sua carga na carroça.

- Isso não deve ser problema – disse o homem. Acho que consigo levar. Terminou de beber o refresco, levantou-se e com um aceno começou a puxar a carroça de volta para a estrada.

Definitivamente, a carroça pesava em seus braços agora, mas não chegava a ser desconfortável. No início da subida começou a sentir o peso. Apesar disso, sentia-se bem por estar ajudando um amigo. Certamente Deus ficaria orgulhoso de sua energia e disposição para ajudar.

A uma pequena parada seguiu-se outra e a carroça começou a ficar cada vez mais pesada. O sol estava quente e seus ombros doíam por causa do esforço. Logo as canções de gratidão deixaram seus lábios e o ressentimento começou a crescer em seu interior. Não foi isso que ele aceitou pela manhã. Deus havia lhe dado uma carga mais pesada do que ele era capaz de suportar.

A carroça parecia enorme e desajeitada enquanto se movia com dificuldades. Frustrado, o homem começou a pensar em desistir e em deixar a carroça rolar ladeira abaixo. Deus estava fazendo um jogo cruel com ele. A carroça cambaleou e a carga se chocou com a parte de trás de suas pernas, machucando o homem.

- Já chega! Deus não pode esperar que eu puxe tudo isso até o alto da montanha. Ó, Deus. Isso é muito duro para mim! Pensei que estivesses me ajudando nessa viagem, mas estou oprimido por uma carga muito pesada. O Senhor tem que arrumar mais alguém para levá-la. Não sou forte o bastante.

Quando orou, Deus apareceu ao seu lado.

- Parece que você está em dificuldades. Qual é o problema?

- Tu me deste um fardo pesado demais. Isso não é para mim!

Deus caminhou até a carroça, apoiada em uma pedra.

- O que é isso? – e levantou a mala de seixos.

- Isso pertence ao John, meu grande amigo. Ele não tinha tempo para trazê-la sozinho. Pensei que poderia ajudar. - E isto?

Deus continuou a esvaziar a carroça, retirando tanto itens leves como pesados. Caíram no chão e a poeira levantou. O homem que esperava ajudar a Deus ficou em silêncio.

- Se você permitir que os outros levem as suas próprias cargas, eu o ajudarei com sua tarefa.

- Mas eu prometi que ajudaria! Não posso deixar essas coisas abandonadas aqui.

- Deixe que os outros carreguem seus próprios pertences – disse Deus mansamente. – Sei que você estava tentando ajudar, mas enquanto você estiver sobrecarregado com todos esses cuidados, não conseguirá fazer o que lhe pedi.

O homem logo se pôs de pé, percebendo subitamente a liberdade oferecida por Deus.

- Quer dizer que só preciso levar as três pedras?

- Foi o que lhe pedi. – Deus sorriu – Meu jugo é suave e meu fardo é leve. Nunca vou lhe pedir para carregar mais do que você consegue suportar.

- Eu consigo fazer isso! Disse o homem sorrindo. Agarrou o cabo da carroça e recomeçou sua jornada. Um novo canto lhe encheu os lábios, com grande alegria chegou ao topo da colina. Foi um dia maravilhoso, pois ele havia feito o que o Senhor lhe pediu.


Fonte: Livro “Como Ter Um Coração De Maria No Mundo De Marta” Joanna Weaver






------------------------------------------------------


O Jovem Rapaz e o Tronco Cheio De Espinhos

Um Jovem rapaz sai de férias, no decorrer da viajem e o avião que ele voa cai em alto mar. Percebendo que é o único sobrevivente, o jovem pensa em como sobreviverá. Ele fica boiando e nadando por horas, a noite começa a pairar, e suas forças estão quase acabando, quando de repente um tronco de árvore lhe esbarra. 'Estou Salvo'!

Ele se agarra rapidamente e firmemente ao tronco e deixa que o tronco siga a correnteza até a praia. As horas passam, o dia começa a amanhecer e ele começa a sentir uma dor muito forte, ele olha e vê que o 'tronco' está cheio de espinhos, que vão rasgando e penetrando na sua carne. Mas ao olhar a diante ele vê lá no fundo a praia. E agora? Se fosse você, o que faria? Largaria o tronco? Ou suportaria a dor até chegar à praia?

APLICANDO NA NOSSA VIDA

Todos nós dissemos: 'sim estou salvo’, (PARA SERVIR A JESUS SEM RESERVAS), quando encontramos a Igreja (O TRONCO), mas com o passar dos anos podemos começara ver (ESPINHOS), ou seja, falhas em nossos irmãos que nos machucam. E AGORA o que fazer? Largaria o tronco (A IGREJA DE JESUS CRISTO) por causa da imperfeição dos nossos irmãos? Ou suportaria a DOR (FALHAS DELES) até chegar à praia (O CÉUS) que Jesus nos promete?
Lembre-se sempre disso quando alguém magoar você. Ou deixar você triste. Lembrarmos de que eles são imperfeitos, e que constantemente erramos
Nos ajudará a ver pontos positivos em nossos irmãos e suportaremos uns aos outros até o fim! E sempre colocaremos na melhor conta: Na conta do perdão!!



Fonte: Mefibosete.com


------------------------------------------------------


Seja Você Mesmo

Um artista, desejando pintar uma versão moderna do "Filho Pródigo" procurou e encontrou na rua, vestindo apenas trapos, uma pessoa exatamente como queria, para servir de modelo para seu trabalho. Ofereceu a ele certa quantia em dinheiro desde que estivesse em seu estúdio no dia seguinte. Na hora determinada, o mendigo compareceu, mas o artista não o reconheceu. Por conta própria, o homem se lavou e conseguiu algumas peças de roupa e dessa forma julgou que estaria mais "apresentável". O artista, ao recebê-lo, disse: "Eu não tenho nenhum trabalho para você do jeito que está. Você deveria ter vindo como estava". Quantas vezes, nós, que somos filhos de Deus perdemos a nossa bênção, exatamente porque não temos a fé e a paciência suficientes para deixar Deus agir da maneira dEle. Queremos dar uma "mãozinha" ao Senhor!


Fonte: Dinholima


-----------------------------------------------------


O Bêbado Evangelista

Dois amigos bebiam num bar, numa sexta-feira à noite, até não poderem mais. À certa hora, um deles, que era conhecedor da Palavra de Deus (pois fora “criado na igreja”) disse para o outro:

– Ô, meu amigo, você sabia que nós dois vamos pro inferno?

– Quê é isso, meu, vira essa boca pra lá!

– Vamos, sim, cara!

– Páre com isso, meu…

– Páre com isso “ocê” vai ver. A Bíblia diz que os bêbados vão pro inferno. Eu e você somos bêbados. Então, nós vamos pro inferno. E ponto final.

Foram para as suas casas, mas, o outro, apesar de estar muito bêbado, não podia dormir. As palavras do seu amigo ficavam se repetindo em seu pensamento. Logo de manhã, mesmo de ressaca, procurou uma igreja evangélica, arrependeu-se de seus pecados, converteu-se a Cristo e nunca mais se afastou dos caminhos de Deus.

O outro, bem… o outro continuou na bebedeira.

Quanto às bebedices, eu vos previno, os que tais coisas praticam não herdarão o reino de Deus. – Gálatas 5.19-21




Fonte:Portal Padom

-------------------------------------------------------


Decepcionado Com Deus


Recebi uma carta de um jovem que está preso em uma cadeia em um dos estados do sul dos EUA. Este moço, condenado pela justiça, foi no passado um cristão consagrado, mas agora ele diz que está com raiva de Deus. Eis as suas palavras:

” – Estou enfiado em um buraco no meio do inferno, e creio que Deus vai me deixar aqui! Houve uma época quando quis seguir a Cristo de todo o meu coração. Mas havia um pecado que me oprimia, um pecado sexual. Eu tentava me arrepender, mas isso nunca deu certo. Eu lia minha Bíblia, estudava e orava, mas não adiantava. O meu pecado sempre era quem comandava. E agora estou preso em uma cadeia por muito tempo, devido a ele.

“Desisti da luta espiritual. Parece que não adianta se esforçar. Deus livrou-me das drogas e do álcool, quando eu era um recém-convertido, mas, por que Ele não levou a minha luxúria sexual?

Todas as páginas da carta deste homem eram cheias de amarguras contra Deus. Ele havia permitido que o seu ressentimento se transformasse em uma ira totalmente exposta!

Vejo uma ira igual entre um número crescente de ministros. Eles ficaram desiludidos, desgastados, zangados com Deus, e agora estão abandonando os seus chamados.

Quando se lhes pergunta por que, eles respondem: ” – Eu fui diligente, fiel; eu dei o melhor de mim. Mas quanto mais eu me esforçava, menos resultados eu via. A minha congregação não era reconhecida e todas as minhas orações pareciam ser em vão. Chegou uma hora em que tudo aquilo que eu pregava soava falso, pois que não estavam funcionando na minha própria vida. Agora estou deixando o ministério até que eu consiga resolver estas coisas.”

Se tivesse feito o que é certo, você estaria sorrindo; mas você agiu mal, e por isso o pecado está na porta, à sua espera.
Ele quer dominá-lo, mas você precisa vencê-lo. – Gênesis 4.7

Por que nos queixarmos da vida quando somos castigados por causa dos nossos pecados? – Lamentações 3.39 




Fonte:Rev. David Wilkerson

------------------------------------------------------
  


O Último Dia De Vida

Naquela manhã, sentiu vontade de dormir mais um pouco. Estava cansado porque na noite anterior fora deitar muito tarde. Também não havia dormido bem. Teve um sono agitado. Mas logo abandonou a idéia de ficar um pouco mais na cama e se levantou, pensando na montanha de coisas que precisava fazer na empresa. Lavou o rosto e fez a barba correndo, automaticamente. Não prestou atenção no rosto cansado nem nas olheiras escuras, resultado das noites mal dormidas. Nem sequer percebeu um aglomerado de pelos teimosos que escaparam da lâmina de barbear. "A vida é uma seqüência de dias vazios que precisamos preencher", pensou enquanto jogava a roupa por cima do corpo.

Engoliu o café da manhã e saiu resmungando baixinho um "bom dia", sem convicção. Desprezou os lábios da esposa, que se ofereciam para um beijo de despedida. Não notou que os olhos dela ainda guardavam a doçura de mulher apaixonada, mesmo depois de tantos anos de casamento. Não entendia por que ela se queixava tanto da ausência dele e vivia reivindicando mais tempo para ficarem juntos.

Ele estava conseguindo manter o elevado padrão de vida da família, não estava? Isso não bastava? Claro que não teve tempo para esquentar o carro nem sorrir quando o cachorro, alegre, abanou o rabo.

Deu a partida e acelerou. Ligou o rádio, que tocava uma canção antiga do Roberto Carlos, "detalhes tão pequenos de nós dois... "Pensou que não tinha mais tempo para curtir detalhes tão pequenos da vida.

Pegou o telefone celular e ligou para sua filha. Sorriu quando soube que o netinho havia dado os primeiros passos. Ficou sério quando a filha lembrou-o de que há tempos ele não aparecia para ver o neto e o convidou para almoçar. Ele relutou bastante: sabia que iria gostar muito de estar com o neto, mas não podia, naquele dia, dar-se ao luxo de sair da empresa. Agradeceu o convite, mas respondeu que seria impossível. Quem sabe no próximo final de semana? Ela insistiu, disse que sentia muita saudade e que gostaria de poder estar com ele na hora do almoço. Mas ele foi irredutível: realmente, era impossível.

Chegou à empresa e mal cumprimentou as pessoas. A agenda estava totalmente lotada, e era muito importante começar logo a atender seus compromissos, pois tinha plena convicção de que pessoas de valor não desperdiçam seu tempo com conversa fiada. No que seria sua hora do almoço, pediu para a secretária trazer um sanduíche e um refrigerante diet. O colesterol estava alto, precisava fazer um check-up, mas isso ficaria para o mês seguinte. Começou a comer enquanto lia alguns papéis que usaria na reunião da tarde.
Nem observou que tipo de lanche estava mastigando.

Enquanto engolia relacionava os telefonemas que deveria dar, sentiu um pouco de tontura, a vista embaçou. Lembrou-se do médico advertindo-o, alguns dias antes, quando tivera os mesmos sintomas, de que estava na hora de fazer um check-up. Mas ele logo concluiu que era um mal-estar passageiro.

Terminado o "almoço", escovou os dentes e voltou à sua mesa. "A vida continua", pensou. Mais papéis para ler, mais decisões a tomar, mais compromissos a cumprir. Nem tudo saía como ele queria. Começou a gritar com o gerente, exigindo que este cumprisse o prometido. Afinal, ele estava sendo pressionado pela diretoria. Tinha de mostrar resultados. Será que o gerente não conseguia entender isso?

Saiu para a reunião já meio atrasado. Não esperou o elevador. Desceu as escadas pulando de dois em dois degraus. Parecia que a garagem estava a quilômetros de distância, encravada no miolo da terra, e não no subsolo do prédio.

Entrou no carro, deu partida e, quando ia engatar a primeira marcha, sentiu de novo o mal-estar. Agora havia uma dor forte no peito. O ar começou a faltar... a dor foi aumentando... o carro desapareceu... os outros carros também... Os pilares, as paredes, a porta, a claridade da rua, as luzes do teto, tudo foi sumindo diante de seus olhos, ao mesmo tempo em que surgiam cenas de um filme que ele conhecia bem. Era como se o videocassete estivesse rodando em câmera lenta. Quadro a quadro, ele via esposa, o netinho, a filha e, uma após outra, todas as pessoas que mais gostava.

Por que mesmo não tinha ido almoçar com a filha e o neto? O que a esposa tinha dito à porta de casa quando ele estava saindo, hoje de manhã? Por que não foi pescar com os amigos no último feriado? A dor no peito persistia, mas agora outra dor começava a perturbá-lo: a do arrependimento. Ele não conseguia distinguir qual era a mais forte, a da coronária entupida ou a de sua alma rasgando.
Escutou o barulho de alguma coisa quebrando dentro de seu coração, e de seus olhos escorreram lágrimas silenciosas. Queria viver, queria ter mais uma chance, queria voltar para casa e beijar a esposa, abraçar a filha, brincar com o neto... queria... queria... mas não deu tempo.

Como está sua vida ? Qual o tempo que tem dedicado às coisas pequenas , mas importantes , da vida ? E Deus , em que lugar você o coloca ? Será que ...?

Lembre-se , são poucas as pessoas que tem uma segunda e "nova oportunidade" de vida para mudar e ... Pense nisso .


Fonte: Palavra Que Funciona


-----------------------------------------------

Um Estranho e Nossa Família

Tropecei em um estranho que passava e lhe pedi perdão.
Ele respondeu: "Desculpe-me, por favor."
"Eu que peço. Também não a vi."
Fomos muito educados, seguimos nosso caminho e nos despedimos.
Mais tarde, eu estava cozinhando e meu filho estava muito perto de mim.
Ao me virar quase esbarro nele. Imediatamente gritei com ele; ele se retirou sentido, sem que eu notasse quão dura que lhe falei.
Ao me deitar Deus me disse suavemente: "Você tratou a um estranho de forma cortês, mas destratou o filho que você ama. 
Vá a cozinha e irá encontrar umas flores no chão, perto da porta. São as flores que ele cortou e te trouxe: rosa, amarela e azul.
Estava calado para te entregar, para fazer uma surpresa e você não viu as lágrimas que chegaram aos seus olhos."
Me senti miserável e comecei a chorar. Suavemente me aproximei de sua cama e lhe disse:
"Acorde querido! Acorde! Estas são as flores que você cortou para mim?"
Ele sorriu e disse:
"Eu as encontrei junto de uma árvore, e as cortei, porque são bonitas como você, em especial a azul."
"Filho, sinto muito pelo que disse hoje, não devia gritar com você."
Ele respondeu: "Está bem mamãe, te amo de todas as formas."
"Eu também te amo e adorei as flores, ela disse, especialmente a azul..."

Entenda que se você morrer amanhã, em questão de dias a empresa onde você trabalha cobrirá seu lugar. Porém, a Família que deixamos sentirá a perda pelo resto da vida.
Pense neles, porque geralmente nos entregamos mais ao trabalho que a nossa Família.Será que não é uma inversão pouco inteligente?


Fonte: Letras Santas




-------------------------------------------------


Faxineiro Da Microsoft


“Um homem que estava desem­pregado entra num concurso para ser faxineiro da Microsoft.
O gerente de recursos humanos o entrevista, faz um teste (pede para ele varrer o chão) e lhe diz: “o serviço é seu. Me dê o seu e-mail para que eu envie a ficha de inscrição, a data e a hora em que você deverá se apresentar para o serviço”.

O homem, desesperado, respon­de que não tem computador, muito menos e-mail.
O gerente de RH dis­se então que lamentava o ocorrido, mas que a ausência de e-mail signifi­cava que virtualmente o homem não existia, e que, como não existia, não poderia trabalhar.

O homem saiu desesperado, sem saber o que fazer e com somente 10 dólares no bolso.
Decidiu então ir ao supermercado e comprar uma cai­xa com 10 quilos de tomates. Indo de porta em porta, resolveu vender os tomates à quilo e, em menos de duas horas já tinha conseguido du­plicar seu capital.
Depois de repetir a operação mais três vezes, voltou para casa com 60 dólares.

E assim o tempo passa.
O ho­mem verifica que pode sobreviver dessa maneira, sai de casa cada dia mais cedo e chega do trabalho cada dia mais tarde.
Pouco tempo depois compra uma carrinha, depois a troca por um caminhão e chega a ter uma pequena frota de veículos para dis­tribuição.

Cinco anos depois, o homem se torna dono de uma das maiores dis­tribuidoras de alimentos daquele lugar.
Pensando no futuro da famí­lia, decide tirar um seguro de vida. Chama um corretor, acerta um pla­no justo e, quando a conversa acaba, o corretor lhe pede um endereço de e-mail para enviar a proposta.
O homem responde que não tem e-mail.

Curioso, o corretor lhe disse: “Você não tem e-mail e chegou a construir esse império. Imagine o que você se­ria se tivesse um e-mail!”.

E o homem responde:

“Seria faxineiro da Microsoft!”

Não limite-se, você é capaz, basta fé e determinação.

"E Jesus disse-lhe: Se tu podes crer, tudo é possível ao que crê." (Marcos 9 : 23)

Fonte:Iurdangola.net


-----------------------------------------------------

Mensagens Anteriores


As quatro luzes para uma decisão
Confiança

Críticas

O pacote do correio

O Advogado, a Professora e o Barqueiro

Depende das mãos que as seguram

Total da dívida: Totalmente pago

Entre Jesus e o Emprego

A oração que parece não ter sido ouvida

Porque ir igreja?

Sem Fé é impossível agradar a Deus

A sua Luz incomoda

Só fazer o certo não basta

Briga de cachorro grande

Uma mensagem de esperança para sua vida

Presente de bruxo

Um jardim da igreja de cristo

A vida consiste em escolhas

Purê de batatas

Fidelidade a Deus

Vencedor ou perdedor

O calor do silêncio

Sem lenha o fogo se apaga

Portas abertas

Decepcionado com quem mesmo?

Devemos praticar o que pregamos

Parou, por que?

Homem cheio do fogo

Milho de pipoca que não passapelo fogo continua a ser milho para sempre.

3 coisas que Deus mais ama

Fiel a Deus, fiel a mim.

Disse Maria: "Fazei tudo o que ele vos disser!"

Salmo124

ESCOLHAS DIFÍCEIS

Golpe certeiro

O Amuleto

O ovo de colombo

Entre o dia D e o dia V

Você sabe onde deve estar

O vestido azul

O jovem seminarista

O passarinho e o velho carvalho

Tem alguém pedindo socorro

Inverno rigoroso

Uma saída mais que excelente

Foi sem querer

Sapinho campeão

Fé ( certeza )

Parabéns pra você

Quatro olhos

Dormir na igreja

Segunda vez?

Um saco de feijão

Ele quase não podia ajudar

Terra fria, Coração quente

Faz diferença

Ele foi ferido

Jesus cuida de você

Porta principal

É com esse que eu vou

OBDC

Pisarias Jesus

Deixa passar

Para meu neto

E os gansos diziam amém

Deixe A raiva secar

Cavalo morto

Banho de leite

A camisa da alegria

Não tinha tempo para Deus

Se você tem:

A vida lhe dá de volta o que você diz

O poema

Lixo embrulhado

Cada um dá o que tem

Estratégia

Eu sei quem você é

A língua

Pecado acariciado

Não é bom que esteja só

O pássaro e a oração

As rãs mais barulhentas do mundo

Carrinho de mão

Diga não a provocação

Melhor é dar

Uma folha em branco

Caprichoso

Sozinho ou em companhia

Para que serve o horizonte?

Sempre estarei ao seu lado

Amando o inimigo

Mala cheia

O cachorrinho

Passar bem

Fé e ação

A folha de papel

Ajudei a chorar

A cor das lágrimas

Esterco de vaca

Amor de mãe

Cristo - Fortaleza dos crentes

Amargo regresso

Lugares altos

A leiteira e o balde

Para vossa meditação

Senhor

Temos de abandonar o pecado

Fiquemos fora do terreno da tentação

Use-me

Dá não senhor

Um toque do mestre

Use toda sua força

Sonho de sapateiro

O saco de pregos

Vidas secas

O rebento

Cuidado com a empolgação

Eu sou forte

Não tenho tempo para o mal

Depoimento antes da morte

Não aguento mais

O poema

A catadora de vidro

Enganoso é o coração

A borboleta e flor

Perceba o que você tem

O livro de Deus

É uma espada

Leitura da Bíblia

Lenda judaica

Falsa segurança

Obelisco ou Oásis?

Duas caixas

O ciclo do ódio

Mudar o mundo

Uma pequena oferta e um grande resultado

Negligência

O amor de mãe

Atenção desviada

O bicho e bíblia

Temperamento

Deus pode salvar qualquer um

O cavalo e o capim

Levantando da cama